Neste final de semana tem Festival Cultural de Gastronomia em Pouso Alegre
09/11/2018
Venha para o Rock’n Beer e hospede-se no Ferraz
23/11/2018
Exibir tudo

No Dia da Consciência Negra, fazemos questão de lembrar as personalidades que fizeram a diferença no mundo e deixaram um legado para os povos de todas as raças.

1. Nelson Mandela (1918 – 2013)

Mandela

Nelson Mandela foi um dos mais conhecidos representantes do Continente Africano. Foi um líder político e foi presidente da África do Sul entre 1994 e 1999.

Desde os tempos da faculdade de Direito já demonstrava uma liderança política motivada pela preocupação com a juventude e a população negra africana. Ainda na faculdade ingressou no movimento estudantil e fez suas primeiras manifestações políticas, posicionando-se contra o apartheid.

Mandela foi o mais conhecido líder rebelde contra o apartheid, o regime separava a população negra, negando a ela todos os direitos políticos, econômicos e sociais que eram garantidos a outras pessoas.

2. Martin Luther King (1929 – 1968)

Martin Luther King é considerado um dos mais importantes nomes na história da luta pelos direitos civis da população negra dos Estados Unidos. Além de ser ativista no movimento negro, ele também foi pastor da Igreja Batista.

Sua história com o ativismo possui muitos momentos marcantes, como a luta pelo direito ao voto, o movimento pelo fim da segregação da população negra, além da busca por direitos civis que não eram concedidos aos negros naquela época.

3- Carolina de Jesus (1914 – 1977)

Carolina de Jesus

Carolina Maria de Jesus foi uma escritora brasileira que, a partir da paixão pela escrita, encontrou forças para vencer as dificuldades da pobreza e da discriminação racial.

Moradora de uma favela de São Paulo, mãe solteira, empregada doméstica e catadora de papel, ela conseguiu ultrapassar estas dificuldades para escrever sobre o preconceito racial e desigualdade social do país na década de 40. Apesar do pouco estudo, tinha uma habilidade diferenciada para descrever as dificuldades cotidianas que enfrentava.

Lançou o livro Quarto do despejo no ano de 1960, despertando a curiosidade da sociedade da época. A partir disso, teve fama, dinheiro e saiu da favela. O entusiasmo com a obra de Carolina de Jesus não durou muito tempo. Ela morreu novamente pobre e já esquecida. Em 2004, ano do centenário de seu nascimento, recebeu diversas homenagens e o reconhecimento por sua obra.

 

4- Alice Walker (1944)

Alice Walker

A escritora, ativista e feminista Alice Walker ficou conhecida pela publicação do livro A cor púrpura, que conta a história de um abuso sexual, motivado pelo machismo e pela discriminação racial da sociedade americana. O livro recebeu os prêmios National Book Award e Pulitzer e a história foi adaptava para o cinema.

5- Angela Davis (1944)

Angela Davis

Angela Davis é uma professora, filósofa e ativista americana que atua na defesa dos direitos das mulheres e pelo fim da discriminação racial. É uma personalidade muito importante para o feminismo negro, que surgiu nos Estados Unidos na década de 1960.

Quer conhecer outras personalidades negras que fizeram história no mundo?

Acesse https://www.significados.com.br/personalidades-negras-mudaram-mundo/